Após falha mecânica, catamarã leva 5h em travessia de Morro a Salvador

Um dos catamarãs que fazem a travessia entre Morro de São Paulo, na Ilha de Tinharé, Baixo Sul do estado, e Salvador levou cerca de 5h para completar o trajeto na tarde desta quarta-feira (29). Segundo Jacinto Chagas, presidente da Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia (Astramab), foi uma uma falha mecânica em alto mar que dobrou o tempo da viagem.

A embarcação saiu de Morro às 15h com 40 passageiros e quatro tripulantes. Ela deveria ter chegado no Terminal Náutico de Salvador às 17h30, mas só atracou no porto às 20h.

"Houve entrada de ar nos motores. Não sei precisar quanto tempo depois de ter saído de lá o problema começou. Veio parando algumas vezes. Outro catamarã foi acionado e veio acompanhando até chegar aqui em Salvador", disse Chagas. Ainda de acoardo com ele, os passageiros permaneceram na embarcação durante toda a viagem e não precisou transferi-los para o outro catamarã.

Em setembro, outro incidente envolvou um catamarã que também faz a linha Morro de São Paulo/Salvador. A embarcação colidiu em uma baleia na altura da praia de Cacha Pregos, na Ilha de Itaparica, e teve o leme e um dos dois motores quebrados. Havia pelo menos 25 passageiros e três tripulantes na embarcação e apenas um dos passageiros sofreu pequenas escoriações na perna.

 

Fonte: Correio24horas

;