Bahia perde para a Chapecoense e fica mais distante da vaga na Libertadores

Bahia tinha tudo para se aproximar ainda mais da vaga na Libertadores, mas acabou mais distante do sonho. Diante de mais de 37 mil torcedores, na Arena Fonte Nova, o Tricolor foi surpreendido e derrotado pela Chapecoense, por 1 a 0.
 
Wellington Paulista, ainda no primeiro tempo marcou o único gol da partida.
 
Com o resultado, o Esquadrão ficou com seus 49 pontos e caiu para a 11ª colocação. O time baiano ficou a quatro pontos do G-7 e se complicou na disputa pela vaga na competição continental.
 
Para chegar à pré-Libertadores, o time baiano terá que vencer o São Paulo na última rodada e torcer por uma combinação de resultados, que inclusive envolvem as conquistas dos títulos da própria Libertadores e da Copa Sul-Americana por Grêmio e Flamengo, respectivamente.

O JOGO
 
A Chapecoense começou bem a partida e quase marcou logo aos três minutos. Wellington Paulista invadiu a área, chutou de bico e Jean fez grande defesa.
 
Aos 18, o goleiro tricolor salvou mais uma vez. Apodi arriscou chute de longe e Jean se esticou para espalmar.
 
Mas, o arqueiro do Esquadrão não conseguiu evitar o gol aos 44 minutos. Canteros recebeu bola na área, cruzou rasteiro e Wellington Paulista desviou para fazer o primeiro.
 
Na volta para o segundo tempo, o Tricolor teve a chance de empatar logo aos sete minutos. Douglas Grolli tocou com a mão na bola na área e o árbitro marcou pênalti. Mas, na cobrança, Edigar Junio acertou a trave.
 
O Tricolor seguiu lutando pelo empate, mas viu a situação se complicar aos 39 minutos, quando Zé Rafael fez falta dura. O meia recebeu o segundo cartão amarelo, foi expulso de campo e o Bahia se despediu da sua torcida em 2017 com derrota.
 

Ficha técnica

Bahia 0 x 1 Chapecoense
Brasileirão Série A - 37ª rodada
 
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data/Horário: 26/11/2017, às 18h (de Salvador)
Arbitragem: Pericles Bassols Pegado Cortez (CBF-PE), auxiliado por Cleberson do Nascimento Leite (CBF-PE) e Marcelino Castro de Nazare (CBF-PE)
Cartões amarelos: Amaral, Douglas Grolli, Reinaldo (CHA); Mendoza, Zé Rafael, Feijão, Eduardo (BAH)
Cartões vermelhos: Zé Rafael (BAH)
Gols: Wellington Paulista (CHA)
 
Bahia
Jean; Eduardo, Tiago, Thiago Martins e Juninho Capixaba; Renê Junior (Hernane), Allione (Régis), Vinicius (Edson) e Zé Rafael; Mendoza e Edigar Junio. Técnico: Paulo César Carpegiani.
 
Chapecoense
Jandrei; Apodi, Douglas, Douglas Grolli e Reinaldo; Amaral, Canteros, Elicarlos (Fabrício Bruno), João Pedro (Nadson) e Luiz Antônio (Moisés); Wellington Paulista. Técnico: Gilson Kleina.s

 

Fonte: Bocão News

;