Mais dois ônibus queimados em Salvador

Na noite de ontem, devido a protestos de moradores da região de Pernambués, a cidade de Salvador perdeu mais dois equipamentos de transporte público de massa.

Com esses dois, já somam 37 ônibus queimados em Salvador, desde 2015. Um número preocupante, pois situações como essas trazem traumas duradouros para a população e os rodoviários que são ameaçados e obrigados a deixar os seus equipamentos de trabalho. Além disso, a queima de ônibus causa prejuízos para a população, já que as empresas tardam a substituir os carros que foram queimados as suas linhas, deixando a população sem esses equipamentos.
Solicitamos das forças de segurança do nosso estado ações mais eficazes no combate a atos como esses. Não podemos ficar em pânico a cada confronto da polícia nos bairros de Salvador, não podemos ficar a mercê da bandidagem atear fogo nos coletivos quando bem entender.
O Sindicato já sugeriu a SSP a possibilidade de nas ações de confronto com vitimas, como no caso de Pernambués, aumente o efetivo no bairro e o setor de inteligência da SSP observe a possibilidade de retirada de ônibus nos locais.
Precisamos de respostas imediatas pra que ações como essas não voltem a acontecer

A imagem pode conter: atividades ao ar livre

;