Valeu companheiros. Conquistamos o maior percentual do país.

Foram 60 dias de uma das mais duras campanhas salariais da história da categoria, mas no final podemos celebrar a conquista do reajuste de 10% no salário e no ticket, redução da contrapartida do ticket de 12% para 10%, passe livre para rodoviários aposentados e adequação dos salários na manutenção em quatro níveis (antes eram oito). 

Também conseguimos manter a função de cobrador que estava ameaçada pelos patrões, e todas as conquistas anteriores.

Na quadra de esportes dos bancários lotada, os rodoviários aprovaram a proposta que foi construída em reunião de conciliação na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), na manhã desta segunda-feira. 

De início, o percentual sugerido pelo superintendente Flávio Nunes foi recusado pelo patronal com as mesmas alegações de crise. Eles ainda insistiam em mudar a data base para novembro. Saímos da reunião dispostos a deflagrar a greve.

No entanto, chamados de volta à mesa em uma segunda reunião, os empresários acataram a proposta, que foi levada para a assembleia e aprovada pelos trabalhadores. 

Esse é o maior reajuste obtido até agora no país por uma categoria com data base em maio. Na assembleia, a direção do sindicato defendeu o percentual. “TEMOS A RESPONSABILIDADE E A COMPREENSÃO QUE EMBORA NÃO SEJA O PERCENTUAL DOS NOSSOS SONHOS É A MELHOR PROPOSTA DIANTE DA CONJUNTURA NACIONAL”, destacou o presidente do Sindicato dos Rodoviários Hélio Ferreira. 

VALEU! JUNTOS SOMOS MAIS FORTES

;