Rodoviários participam de comitê que debate a segurança nos ônibus de Salvador

Nesta semna, a direção do Sindicato esteve reunida na secretaria de segurança pública da Bahia para o primeiro encontro, em 2020, do Comitê em Defesa do Transporte Coletivo (CDTC).

Com a presença do secretário de segurança do estado, Dr Maurício Barbosa, o comandante geral da Polícia Militar da Bahia, o delegado chefe da Polícia Civil, representante do Ministério Público do Estado, e representante da Polícia Rodoviária Federal, a reunião desta segunda-feira foi motivada pela necessidade de reduzir ainda mais os índices de assaltos a coletivos na capital baiana.

Algumas proposições foram feitas com o objetivo de minorar os números que tiram a tranquilidade da categoria.  Em meio aos diversos encaminhamentos, foi muito bem avaliada a sugestão de implantação de câmeras de identificação nos principais pontos e nos coletivos da cidade, feita pelos diretores do Sindicato.  Outra medida importante que foi anunciada pela Secretaria foi a implantação de viaturas com o sistema de câmeras de identificação facial acoplada ao veículo, o que traria mais celeridade na identificação e captura dos criminosos que circulam pela cidade.

Para o vice-presidente Fabio Primo, a reunião de hoje representa a necessidade de um trabalho em conjunto entre o poder público e a sociedade civil organizada para combater o avanço da criminalidade no setor de transporte rodoviário de Salvador: "É essencial que os rodoviários sentem-se a mesa para apresentar os locais com maiores incidências e levar sugestões que ajudem a combater os crimes nos coletivos. A SSP está de parabéns pela iniciativa" A reunião se encerrou com o agendamento do próximo encontro, que contará também com representantes de outras instituições envolvidas no sistema de transporte rodoviário.

Juntos Somos Mais Fortes.

;