TSE inicia teste de integridade em urnas eletrônicas de 2020

Três técnicos individuais e cinco equipes participarão do teste da urna eletrônica que será usada nas eleições municipais do ano que vem. O Teste Público de Segurança (TPS), organizado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), consiste em tentativas dos técnicos para burlar o hardware ou software da urna eletrônica e, de alguma forma, violar os arquivos e, por exemplo, comprometer o anonimato dos votos.

Essa é a quinta vez que o TPS é realizado, e as inscrições ficaram abertas para qualquer especialista interessado em tentar burlar o sistema eletrônico. Em 2017, técnicos encontraram três falhas no sistema da urna, conseguindo acesso aos dados internos do equipamento. O TSE sanou as falhas antes das eleições.

Fonte: Metro 1
Foto: Agência Brasil

;