Ibope: Haddad segue em alta, chega a 22% e se consolida no segundo turno

 O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, é o único presidenciável com tendência de crescimento nas intenções de votos, segundo a nova rodada da pesquisa Ibope realizada entre os dias 22 e 23 e divulgada nesta segunda-feira (24).

Desde o dia 11 de setembro, quando foi oficializado como candidato do PT, a vantagem do candidato do PSL, Jair Bolsonaro, sobre Haddad caiu de 18 para 6 pontos percentuais. Há duas semanas das eleições, o candidato do PSL estacionou e manteve os 28% de intenção de votos da última pesquisa. Já Haddad subiu três pontos e chegou a 22% das intenções de votos.

A nova pesquisa Ibope confirma também a consolidação de Ciro Gomes (PDT) em terceiro lugar, com 11%, mesma pontuação dos últimos dois levantamentos. 

O Ibope traz, ainda, Geraldo Alckmin (PSDB) em quarto e Marina Silva (Rede) em quinto. Há 13 dias, o tucano tinha 9%, caiu para 7% e agora está com 8%. A candidata da Rede, que havia caído de 9% para 6%, agora está com 5%.

Brancos e nulos alcançaram 12% e não sabe não responderam 6%.

REPRODUÇÃO FACEBOOKReprodução Facebook

Segundo turno

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro perde para todos os candidatos e empata com Marina:

Haddad 43% x 37% Bolsonaro

Ciro 46% x 35% Bolsonaro

Alckmin 41% x 36% Bolsonaro

Marina 39% x 39% Bolsonaro 

Bolsonaro é o candidato com maior taxa de rejeição. O percentual do que rejeitam o ex-capitão aumentou de 42% para 46% em apenas uma semana. Na sequência, vêm Haddad, com 30%; Marina, com 25%; Alckmin, 20%; e Ciro, com 18%. 

O Ibope entrevistou 2.506 pessoas em 178 municípios de todo o país. A margem de erro é de dois pontos percentuais e nível de confiança de 95%. Isso significa que há 95% de chance de os resultados refletiresm o atual momento eleitoral. 

A pesquisa foi contratada pelo jornal o Estado de S. Paulo e pela TV Globo.

 

Fonte: CUT Ba

;