Campanha entra no impasse GREVE À VISTA

Na assembleia da semana passada, além dos informes sobre as negociações e a conjuntura em torno da nossa campanha, a categoria autorizou, por unanimidade, o sindicato a dar sequência nos trâmites jurídicos para uma possível greve. O edital de convocação dos trabalhadores para a assembleia de aprovação do Estado de Greve já foi publicado. 

Esgotamos o calendário de rodadas, passamos a nossa data-base (1° de Maio), e já entramos nos 50 dias de campanha sem uma única contraproposta à nossa pauta de reivindicações. Apresentaram uma contra pauta que nem merece comentário. A estratégia dos patrões é conhecida: empurrar com a barriga até levar a campanha para o dissídio, situação que sempre favorece as empresas.
Isso é um desrespeito à categoria. Rejeitamos a contra pauta deles e não vamos aceitar que continuem a debochar do nosso direito à data-base. Vamos reforçar a mobilização, mostrar a nossa força e a nossa unidade. Todos na assembleia dessa quinta, 17 de maio. Venha dizer NÃO às manobras dos patrões.

#ResistiréoDesafio

;