CNTTL/CUT aprova moção de repúdio contra presidente da CUT Bahia e pede seu afastamento imediato

A Direção da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística da CUT (CNTTL) reunida no dia 28 de fevereiro, em Brasília, decidiu aprovar por unanimidade uma moção de repúdio em desfavor ao presidente da CUT Bahia, o Sr. Cedro, que diante do Dia Nacional de Paralisações e Greves contra a  Reforma da Previdência, em 19 de fevereiro, resolveu de forma atordoada passar por cima das orientações desta Confederação, na qual tendo em vista o recuo de rodoviários de outras centrais e a  retirada da Reforma da pauta do Congresso Nacional, orientou os nossos filiados que não fizessem mais greves, mas  sim protestos para  denunciar a nefasta Reforma.

A CNTTL e os Rodoviários da Bahia foram e são fundamentais na luta em defesa da democracia,  dos direitos dos trabalhadores e do povo brasileiro. Os rodoviários construíram uma agenda de lutas que desde o golpe vem se destacando na luta social do país.

Temos a consciência da importância do nosso ramo nesta disputa e estamos cumprindo o nosso papel, sempre presente e sem vacilo, articulando nacionalmente  e garantindo uma ação unificada e determinada de nossas bases. No entanto, tal prática dos nossos filiados não têm o reconhecimento do presidente da CUT Bahia, pois ao  discordar dos rumos apontados por nossa Confederação demonstra o grau de irresponsabilidade e atenta não só contra os rodoviários baianos, mas contra todos os que fazem o ramo de transporte cutista.

Não aceitamos que um presidente da CUT, que não consegue se quer organizar protestos em sua base, se dirija às garagens de empresas de ônibus de Salvador, atropelando o comando nacional do ramo de transportes e, por meio de pessoas contratadas para segurar bandeiras, leve carros de som para difamar e diminuir a importância dos rodoviários baianos.

Desta forma, repudiamos a prática deste dirigente cutista que se dirigiu à base rodoviária para chamar os dirigentes baianos de pelegos e coisas do tipo.

A CNTTL e o Sindicato dos Rodoviários da Bahia reafirmam seu compromisso com os princípios cutistas e com a luta do povo brasileiro. Afirmamos também que não reconhecemos o Sr. Cedro como presidente da CUT Bahia e como porta voz junto ao ramo de transportes.

Desta forma, solicitamos o imediato afastamento do referido presidente, sob pena de vermos as relações da central sindical naquele estado ameaçadas por práticas equivocadas de quem tem a obrigação de fortalecer a luta e garantir a unidade na ação dos trabalhadores.


Paulo João Estausia,  presidente da CNTTL   

Transportando CNTTL-CUT
Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação 
Editora:Viviane Barbosa MTB - 28121 
Redatora: Vanessa Barboza MTB-74572
Assessoria de Comunicação: Mídia Consulte 
Redação: Imprensa /CNTTL :: Transportando o Brasil 
Siga-nos: http://www.twitter.com/cnttcut
Flickr: http://www.flickr.com/photos/cnttcut/



 

;